terça-feira, 18 de junho de 2013

DOMME GORDINHA RJ - DOMINADORA RAINHA GORDINHA BBW

DOMINADORA GORDINHA

Esse cliente eu tinha marcado a noite para encontra-lo logo pela manhãzinha pois ele ia trabalhar e não daria para a parte da tarde e tinha que ser pela manhã bem cedo.
Marcamos no motel Calypso. Na noite anterior ele me mandou um e-mail explicando que gostava de ser dominado, acessórios, etc... Gostava também de chuva dourada e chuva marrom..
Chuva marrom eu não faço.. mas chuva dourada adoro fazer... Tudo acertado. Pela manhã ele me liga dizendo que estava chegando ao motel calypso e eu fui me arrumando. Chegando lá ele já estava peladinho e deitado na cama.
Cheguei .. e mandei que ele pedisse um café e me servisse. Assim  ele fez.  Foi até a cama e me serviu o café na xícara. Joguei o café nele e disse que o café estava uma merda, frio e requentado.  O café espirrou em mim e mandei que ele me lambesse para tirar o que havia caído. Mandei que ele pedisse outro café. Quando o café chegou mandei que ele ficasse de quatro para que eu apoiasse a bandeja nele. Ele tinha que se equilibrar e não deixar meu café cair.
Mandei que ele beijasse os meus pés, lambesse as minhas solas e me idolatrasse. Nessa altura eu tinha já tinha tirado o cinto, a coleira e alguns acessórios.  Coloquei a coleira no meu escravo, no meu servo fiel e fui para o banheiro tomar meu banho e o deixei amarrado na porta... ele era o meu cachorro. Liguei o chuveiro e puxei a coleira mais para dentro do box e botei uma perna pra cima de forma que eu pudesse mijar em cima dele e desse a xoxota pra ele enxugar  com a língua. Ele começou a me lamber e eu senti a sua piroca dura, rígida. Mandei que a pica abaixasse de imediato e mandei que virasse pra porta abaixasse a cabeça, colocasse a cabeça entre as pernas pois sofreria sanção. Ele implorou que eu não o castigasse.
Falei pra ele: Detesto homem que pede clemência! Aguenta seu cachorro, seu escroto, seu merda! Dei a primeira cintada, ele se contorceu. .. dei outra... mandei que ele levantasse e apoiasse sobre a pia do banheiro e não ousasse a levantar o rosto. De pé, apoiado sobre a pia, mandei que ele abrisse as pernas e enfiei um dedo no seu cu.
Ele pediu: Não minha dona, não minha rainha, sou macho! Não sou invertido.
Eu disse: Cala a boca e toma no cu! Puxei a cabeça dele pra frente e pude sentir o meu dedo entrando todo naquele cuzinho apertado.
Enquanto eu voltava pro banho, mandei que ele ajoelhasse mais uma vez, pois eu tinha levado milho de pipoca e mandei que ele ficasse de joelhos.
O término do meu banho, fui para o quarto e ele veio me seguindo, andando como um cão fiel. Quando de repente ele parou e eu mandei que ele viesse e ele não veio.
Ele continuou de cabeça baixa e se pôs a chorar.
Eu disse: cala a boca, engole o choro e dei uma outra cintada nele.
Ele tinha gozado no meio do meu banho enquanto estava de joelho sobre o milho e não aguentou.
Ele teve medo, chorou e pediu que eu o perdoasse.
Mandei que ele fosse tomar um banho se vestisse e fossemos embora.
- Por favor minha rainha me perdoa.                  
Não sabe brincar não brinca... ahahahahahhahaha Não podia gozar.. eu não tinha nem começado a tortura-lo, a domina-lo.
Vocês escravos tem que aprender a se controlar e fazer o que a sua DOMME, a sua dona, a sua rainha manda, se gozar antes ou não obedecer aos comandos... ai perde a graça do atendimento e deixa de ser uma dominação e passa a ser um programa simples....
Entendo que o tesão é justamente esse da tortura, da voz de comando, mas não gosto quando goza sem que eu mande .
Tirando essa parte da sacanagem, foi bom... Ele me trouxe em casa e foi trabalhar... depois mandou um SMS.
Depois fiquei em casa.. Fui tomar meu café da manhã na praia como eu gosto... Tem uma padaria no posto 10/11 que é uma delicia... Sempre que eu posso adoro ver o mar... depois voltei pra casa e me arrumei, fui para o privé...

Fernanda Capez acompanhante Gordinha RJ

Nenhum comentário:

Postar um comentário